Concurso externo para adidos de embaixada - 27 vagas


O Ministério dos Negócios Estrangeiros abriu concurso externo de ingresso para 27 lugares da categoria de adido de embaixada da carreira diplomática portuguesa.

O ingresso na Carreira Diplomática realiza-se sempre pela categoria de adido de embaixada, mediante concurso de provas públicas, nos termos de regulamento aprovado por despacho do Ministro dos Negócios Estrangeiros. 


PERFIL DOS CANDIDATOS


1. Podem candidatar-se todos os cidadãos portugueses possuidores de licenciatura, conferida por universidade ou estabelecimento de ensino portugueses ou estrangeiros, devidamente reconhecida;

2. Só podem ser admitidos a concurso os candidatos que preencham as condições gerais de admissão na função pública a seguir mencionadas:

a) Nacionalidade portuguesa, quando não dispensada pela Constituição, por convenção internacional ou por lei especial;
b) 18 anos de idade completos;
c) Não inibição do exercício de funções públicas ou não interdição para o exercício daquelas que se propõe desempenhar;
d) Robustez física e perfil psíquico indispensáveis ao exercício das funções;
e) Cumprimento das leis de vacinação obrigatória.
PUB

Os candidatos aprovados no termo do concurso são admitidos na categoria de adido de embaixada da carreira diplomática portuguesa até ao limite do número de lugares postos a concurso.
Este concurso permitirá reforçar o corpo diplomático.
Os funcionários diplomáticos exercem as respetivas funções nos serviços internos e nos serviços periféricos externos do Ministério dos Negócios Estrangeiros, em conformidade com o interesse do serviço público, constituindo um corpo especial da Administração Pública, sujeito a exigências específicas de representação do Estado, defesa dos seus interesses na ordem externa e proteção dos cidadãos portugueses no estrangeiro, encontrando-se estatutariamente vinculados a um regime de mobilidade e exclusividade profissional.


CANDIDATURAS

A candidatura ao concurso é feita mediante o preenchimento de um formulário disponível na página de internet do Portal Diplomático do Ministério dos Negócios Estrangeiros, onde o candidato deve providenciar dados relativos à sua identificação civil, identificar o endereço eletrónico para o qual pretende que lhe sejam remetidas as notificações e comunicações relativas ao concurso e fornecer documentação.


Processo de candidatura> https://portaldiplomatico.mne.gov.pt/sobre-nos/carreiras-e-oportunidades/carreira-diplomatica


Formulário de candidatura>https://concursoadidos.mne.pt/


Candidaturas decorrem até 18 de janeiro de 2022.



QUAIS AS CATEGORIAS QUE COMPÕEM A CARREIRA DIPLOMÁTICA?


A carreira diplomática é composta por cinco categorias: adido de embaixada, secretário de embaixada, conselheiro de embaixada, ministro plenipotenciário e embaixador.
Os funcionários diplomáticos são admitidos, por concurso público, ingressando na categoria de adido de Embaixada.
Após confirmação são nomeados definitivamente como Secretários de Embaixada. Posteriormente, e por concurso, após um período mínimo de 10 anos na carreira, oito anos de categoria e quatro anos de serviço externo, poderão ser promovidos a Conselheiro de Embaixada. Após um período de três anos na categoria de Conselheiro de Embaixada, e de seis anos de serviço externo, poderão ser promovidos a Ministro Plenipotenciário. Finalmente, poderão ser promovidos à categoria de Embaixador os Ministros plenipotenciários com pelo menos quatro anos nesta categoria e oito anos de serviço externo.
Para saber mais sobre a carreira diplomática clique aqui.

OFERTAS DE EMPREGO


Pub

ESTÁGIOS

Pub

CONCURSOS PÚBLICOS PRR (Plano de Recuperação e Resiliência)

Pub

NOTÍCIAS