IEFP: abertos novos concursos para + 180 formadores

 O Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) abriu vários procedimentos de recrutamento de técnicos superiores, para o exercício da atividade de Formador, nas componentes de formação base, sociocultural, científica e tecnológica do Sistema Nacional de Qualificações, na modalidade de contrato de trabalho em funções públicas a termo resolutivo incerto. 


Os procedimentos concursais, publicados em Diário da República em 8 de fevereiro de 2021, indicam que os formadores serão integrados, após processo de recrutamento e seleção, como técnicos superiores com contrato de trabalho a termo resolutivo incerto e remuneração bruta de 1.205,08 euros.


PUB


Ver Procedimentos>


Procedimento concursal comum para o preenchimento de 84 (oitenta e quatro) postos de trabalho.

Exercício da atividade de formador para a componente de formação tecnológica.

Requisitos: Licenciatura;

Local de Trabalho: unidades orgânicas locais da Delegação Regional do Norte do IEFP, I. P., identificadas no aviso integral deste procedimento concursal na Bolsa de Emprego Público.

Consultar Aviso BEP OE202102/0131


Pub


Procedimento concursal comum para o preenchimento de 24 (vinte e quatro) postos de trabalho.

Exercício da atividade de formador para a componente de formação tecnológica

Requisitos: Licenciatura;

Local de Trabalho: unidades orgânicas locais da Delegação Regional do Alentejo do IEFP, I. P., identificadas no aviso integral deste procedimento concursal na Bolsa de Emprego Público.

Consultar Aviso BEP OE202102/132


Procedimento concursal comum para o preenchimento de 1 (um) postos de trabalho.

Exercício da atividade de formador para a componente de formação de base, sociocultural e científica

Requisitos: Licenciatura;

Habilitação profissional para a docência, ou habilitação própria para a docência.

Local de Trabalho: unidades orgânicas locais da Delegação Regional do Centro do IEFP, I. P., identificadas no aviso integral deste procedimento concursal na Bolsa de Emprego Público.

Consultar Aviso BEP OE202102/0129


Procedimento concursal comum para o preenchimento de 21 (vinte e um) postos de trabalho.

Exercício da atividade de formador para a componente de formação tecnológica.

Requisitos: Licenciatura;

Local de Trabalho: unidades orgânicas locais da Delegação Regional do Centro do IEFP, I. P., identificadas no aviso integral deste procedimento concursal na Bolsa de Emprego Público.

Consultar Aviso BEP OE202102/0126


Pub


Procedimento concursal comum para o preenchimento de 2 postos de trabalho.

Exercício da atividade de formador para a componente de formação de base, sociocultural e científica. 

Requisitos: Licenciatura;

Habilitação profissional para a docência, ou habilitação própria para a docência.

Local de Trabalho: Centro de Formação e Reabilitação Profissional de Alcoitão da Delegação Regional de Lisboa e Vale do Tejo do IEFP, I. P., identificadas no aviso integral deste procedimento concursal na Bolsa de Emprego Público.

Consultar Aviso BEP OE202102/0130



Procedimento concursal comum para o preenchimento de 4 (quatro) postos de trabalho

Exercício da atividade de formador para a componente de formação tecnológica.

Requisitos: Habilitações: Licenciatura.

Local de Trabalho: unidades orgânicas locais da Delegação Regional do Algarve do IEFP, I. P., identificadas no aviso integral deste procedimento concursal na Bolsa de Emprego Público.



Procedimento concursal comum para o preenchimento de 44 (quarenta e quatro) postos de trabalho.

Exercício da atividade de formador para a componente de formação tecnológica.

Requisitos:

Habilitações: Licenciatura;

Local de Trabalho: unidades orgânicas locais da Delegação Regional de Lisboa e Vale do Tejo do IEFP, I. P., identificadas no aviso integral deste procedimento concursal na Bolsa de Emprego Público.

Consultar Aviso BEP OE202102/0128



CANDIDATURA

As candidaturas serão apresentadas exclusivamente mediante preenchimento de formulário eletrónico, de preenchimento obrigatório, disponível na página eletrónica do IEFP em www.iefp.pt/recursos-humanos >> Procedimentos concursais a Termo Resolutivo Incerto


As candidaturas decorrem entre 10 e 23 de fevereiro de 2021.

PUB

REQUISITOS E CANDIDATURA

Os candidatos deverão ter os requisitos gerais, necessários para o exercício de funções públicas, previstos no artigo 17.º da Lei Geral do Trabalho em Funções Públicas (LTFP):

a) Nacionalidade portuguesa, quando não dispensada pela Constituição, convenção internacional ou lei especial;
b) 18 anos de idade completos;
c) Não inibição do exercício de funções públicas ou não interdição para o exercício daquelas que se propõe desempenhar;
d) Robustez física e perfil psíquico indispensáveis ao exercício das funções;
e) Cumprimento das leis de vacinação obrigatória.


Os candidatos deverão ter como requisitos específicos:

a) Parecer favorável da Comissão de Avaliação Bipartida do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social (CAB MTSSS);

b) Licenciatura;

c) Habilitação profissional para a docência, ou habilitação própria para a docência e posse de Certificado de Competências Pedagógicas (CCP) ao abrigo do n.º 1 do artigo 3.º ou isenção do CCP nos termos do n.º 2 do artigo 2.º ou da alínea a) do n.º 5 do artigo 3.º da Portaria n.º 214/2011, de 30 de maio, de acordo com o código do grupo de recrutamento referente a cada unidade orgânica a que se candidata.


As candidaturas aos postos de trabalho do IEFP, I.P., são apresentadas exclusivamente por via eletrónica, através do preenchimento do formulário / questionário online e da submissão dos documentos solicitados.

 

Neste sentido, o formulário de candidatura está organizado em 8 partes:

  • PARTE 1 – Informação Pessoal
  • PARTE 2 – Requisitos de Admissão
  • PARTE 3 – Área(s) de formação a que se candidata
  • PARTE 4 – Habilitações Académicas
  • PARTE 5 – Formação Profissional
  • PARTE 6 – Atividades de Formação
  • PARTE 7 – Descrição das Funções ou Atividades Desenvolvidas
  • PARTE 8 – Requerimento


Na parte 6 do Formulário / Questionário online de candidatura deverá indicar o somatório de horas de formação comprovadas e pagas, somente na rede de centros de gestão direta do IEFP, I.P. nos anos de 2015 a 2017, validadas pela CAB MTSSS (conforme imagem abaixo)


As opções são as seguintes>




A grelha de avaliação curricular com os parâmetros e os pontos atribuídos a cada resposta se encontra na ATA de trabalho de cada concurso.





+ ARTIGOS DE INTERESSE



Acompanhe Feed de Empregos no Facebook